Konrad Cunha Dantas, mais conhecido por KondZilla e responsável por produzir videoclipes do gênero funk, chegou ao patamar de canal mais popular no Brasil, de acordo com o ranking do SocialBlade, que avalia com base no número de inscritos, visualizações, likes e demais atividades. O KondZilla é o único do país com a nota A++, sendo o terceiro maior, com cerca de 12,5 milhões de inscritos e mais de 5 bilhões de views. Além disso, a estimativa de receita do canal está entre 157 mil e 2,5 milhões de dólares mensais. Konrad, entretanto, ressalta que não é tudo isso: “Vai pelo valor mais baixo. Cê acha que, se eu ganhasse 2 milhões e meio, eu tava aqui? Eu tava em Malibu!”.

“Antes de comprar a câmera, eu nunca tinha me interessado em filmar. Nem celular com câmera eu tinha”, afirmou Konrad em seu escritório no Tatuapé, na zona leste de São Paulo. Porém, desde o início ele já expressou seu estilo visual nas produções e seu nome se tornou famoso.

Hoje, Konrad possui uma demanda muito grande de videoclipes e novos negócios. Para as produções, o empresário tem quatro diretores de confiança, dentre esses está Gabriel Zerra, o mais experiente e que fez o vídeo da música “Baile de Favela”, de MC João, e Caique, que já montou e dirigiu cerca de 200 vídeos, como o hit “Deu Onda”, de MC G15, o qual angariou 225 milhões de visualizações desde sua estreia, sendo a maior audiência do canal.

Konrad também assinou, há alguns meses, um contrato com a Conspiração Filmes para dirigir produções publicitárias. “Sempre quis fazer filmes de 30 segundos para TV. Só que percebi que tinha criado um negócio maior que isso e fiquei nos videoclipes”, disse.

Como empresário, o seu próximo projeto será o portal “kondzilla.com”, que terá conteúdo para jovens da periferia. “Hoje vejo que meu trabalho é social e cultural. O site vai servir para que as pessoas conheçam a cultura do funk. Daqui um ano, me vejo como o maior comunicador da periferia do Brasil”, afirmou.

Além disso, Konrad se tornou empresário de dez artistas de funk, como MC Bin Laden. “O problema é que agora eu trabalho tanto que mal vejo minha mina”, disse sorrindo.

André Pilli – youtuber, produtor audiovisual e proprietário da Pilli Mídia -, entrevistou Konrad Dantas e publicou um vídeo, em que o produtor de vídeos de funk conta um pouco de sua história.

 

Fonte: VIP, G1 e Veja